PESQUISA E DESENVOLVIMENTO

A capacidade de uso em sistemas de produção demanda pesquisa e desenvolvimento a campo e em laboratório para a melhor compreensão as condições de solo e culturas. Atualmente intuições relevantes de ensino e pesquisa estão contribuindo para geração de informações que orientam o uso e a recomendação agronômica do POLY4 em todo o mundo. As pesquisas com POLY4 são direcionados pelo programa global de estudos agrícolas conduzidos pela Anglo
American, Crop Nutrients.

O programa agronômico global envolve 177 entidades de P&D distribuídos nos cinco continentes, perfazendo um total até agora de 556 pesquisas em 60 culturas em 33 países, todos eles avaliando a performance do POLY4.

No Brasil

O Brasil é o terceiro maior mercado consumidor de fertilizantes e é considerado o maior produtor de soja do mundo. Os solos brasileiros, em sua maioria tem características ácidas e necessitam da melhoria da fertilidade do solo. POLY4 apresenta sinergia com o uso em solos tropicais pelas garantias de nutrientes e aos solos apresentarem algumas limitações quanto aos macronutrientes.

Ao longo de cinco anos de pesquisa no Brasil, os estudos com POLY4 foram conduzidos por mais de 35 instituições e órgãos de pesquisa. Estas informações foram relevantes para a compreensão de seus valores como fertilizante afim de garantir estabilidade nos resultados de campo.

Para saber mais sobre os resultados de pesquisas com o POLY4 clique na imagem.

Resultado Ensaio Batata
Resultado Ensaio Milho
Resultado Ensaio Soja
Resultado Ensaio Soja e Milho em Sistema
Resultado Ensaio Tomate
Valor Agregado ao Solo