Deficiência de Zinco (Zn) no Trigo

É um cofator nas reações enzimáticas e, portanto, participa de diversos ciclos bioquímicos das plantas, incluindo fotossíntese e formação de açúcar, síntese de proteínas, fertilidade e produção de sementes, regulagem do crescimento e defesa contra doenças.

Deficiência – Afeta as funções bioquímicas, impedindo que a planta se desenvolva corretamente. Isto resulta em colheitas com piora na qualidade e menor rendimento da produção. Plantas com deficiência de zinco apresentam folhas pequenas e com formato distorcido, com encurtamento das brotações e aglomeração de folhas na região de crescimento. As plantas apresentam ainda déficit de clorofila, fazendo com que as folhas fiquem mais claras e até mesmo brancas.

No caso da deficiência de zinco, essa descoloração ocorre perto das nervuras, elas podem apresentar também partes mortas e pintas de coloração bronze. Essas deficiências foliares são encontradas em folhas velhas e novas, diferentemente de outras deficiências de nutrientes. A deficiência de zinco (Zn) também pode ser detectada em nível celular, por meio da malformação de organelas como cloroplastos e mitocôndrias. A ausência ou deficiência desse elemento pode ocasionar ainda problemas na divisão celular e raízes retorcidas e com pontas alargadas.

Fechar
Podemos te ajudar?

Escolha uma das opções:

Fale com a Cibele Acessar a CibraStore Formulário de Contato Receba nossa Newsletter